Perfil do tolkienista Tom Shippey

Tom Shippey.

Tom Shippey.

– Sérgio Ramos

Tom Shippey é um dos mais conhecidos tolkienistas do mundo. Nascido em 1943, tem uma brilhante carreira acadêmica, inclusive em Oxford.

Interessante que sua vida guarda muitos paralelos com a de J. R. R. Tolkien. Este nasceu numa colônia na África do Sul, enquanto Shippey nasceu na Índia, que era colônia britânica. Além disso, frequentou o mesmo ambiente escolar e acadêmico do Professor Tolkien: estudou na King Edward´s School e manteve carreira de professor em Oxford e Leeds.

Além disso, Shippey estudou praticamente as mesmas línguas que o criador da Terra-média (Inglês Antigo, Nórdico Antigo, Alemão e Latim), além de ter praticado o mesmo esporte (rúgbi).

Seu primeiro trabalho acadêmico sobre Tolkien foi apresentado no final de 1969 e início de 1970, quando deu uma palestra intitulada “Tolkien as philologist”, onde apresentou uma visão de Tolkien que o acompanharia nos anos seguintes. Na plateia, estava Joy Hill, então secretária do próprio J. R. R. Tolkien. Depois da palestra, ela pediu a Shippey o roteiro da apresentação para mostrar ao Professor T.

Em 13 de abril de 1970, J. R. R. Tolkien escreveu uma carta para Tom Shippey. Em 1972, Tolkien e Shippey se encontram pessoalmente num jantar. Na época, Shippey já ensinava Inglês Médio e Antigo seguindo a cartilha de Tolkien.

Foi somente em 1972 que conheci pessoalmente Tolkien, época em que fui promovido de Birmingham para uma bolsa no St. John’s College, em Oxford, para ensinar Inglês Antigo e Médio nas linhas que Tolkien havia estabelecido muitos anos antes. Logo depois que cheguei a Oxford, o sucessor de Tolkien na cadeira de Inglês de Merton, Norman Davis, me convidou para jantar em Merton e conhecer Tolkien, que morava em residências universitárias após a morte de sua esposa. A reunião me deixou com um forte senso de obrigação e até devoção profissional, no sentido antigo dessa palavra, isto é, ‘lealdade afetuosa e respeito, esp. para os pais’, ou neste caso predecessores. Depois da morte de Tolkien, eu senti cada vez mais que ele não teria ficado feliz com muitas das coisas que as pessoas diziam sobre seus escritos e que alguém com uma formação semelhante à dele devia tentar prover – como Tolkien e E. V. Gordon escreveram no “Prefácio” à sua edição de 1925 de Sir Gawain and the Green Knight – “um aparato suficiente para ler [estas obras notáveis] com uma apreciação, na medida do possível, do tipo que seu autor poderia ter desejado”.

Tom Shippey, The Road to Middle-earth

Em 1979, Tom Shippey assumiu a cátedra de Língua Inglesa e Literatura Medieval Inglesa na Universidade de Leeds, posição que havia pertencido a Tolkien muitos anos antes.

Seus dois livros sobre Tolkien foram premiados com o Mythopoeic Award, um importante prêmio do meio tolkienista.

The Road to Middle-earth é um profundo estudo sobre as fontes de inspiração de Tolkien. É uma análise apurada sobre o desenvolvimento da mitologia de Tolkien.

J. R. R. Tolkien: Author of the Century examina a fundo os livros O Hobbit, O Senhor dos Anéis e O Silmarillion e seus importantes pilares de sustentação.

Além dos livros acima, Tom Shippey tem dezenas de artigos publicados, palestras e participação em vários documentários.

Anúncios
Esse post foi publicado em Tolkienistas e marcado . Guardar link permanente.

2 respostas para Perfil do tolkienista Tom Shippey

  1. Rômulo Camargo Porto disse:

    Bravo! Que honra este homem teve!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s